Quinta-feira, 20 de Agosto de 2015

Recordar os esquecidos

Em Agosto, a tertúlia habitual da livraria Almedina, Recordar os Esquecidos, tem um formato diferente. Desta vez, é o próprio moderador dos debates o convidado. Assim, no sábado, dia 29, pelas 18:00, João Morales vai falar sobre livros e autores que caíram no esquecimento ou até mesmo passaram (injustamente) ignorados. Na praça Duque de Saldanha, 1, Atrium Saldanha (Lisboa). Neste ano, o grupo Almedina faz 60 anos.


publicado por industrias-culturais às 17:45
link | comentar | favorito
Segunda-feira, 16 de Março de 2015

3.ª edição do Fronteira — Festival Literário de Castelo Branco


















O Festival Literário de Castelo Branco, em 10 e 11 de abril e 4 de maio, agora em terceira edição, toma o nome de Fronteira. Alguns dos autores presentes irão a escolas do concelho, no sentido de criar novos públicos. Entre os autores, destaque para Bruno Vieira Amaral, Francisco José Viegas, o músico João Afonso, João de Melo, João Tordo, José Manuel Fajardo, Valério Romão e Valter Hugo Mãe.
publicado por industrias-culturais às 15:56
link | comentar | favorito
Terça-feira, 7 de Outubro de 2014

A reflectir

"Horace Enghdal, membro do júri da Academia sueca para o prémio Nobel da Literatura, afirma que a «profissionalização do ofício, as bolsas e apoios financeiros» estão a destruir a literatura ocidental. «Antigamente, os escritores trabalhavam como taxistas, funcionários, secretários ou empregados de balcão»" (Expresso).
publicado por industrias-culturais às 21:25
link | comentar | favorito

A reflectir

"Horace Enghdal, membro do júri da Academia sueca para o prémio Nobel da Literatura, afirma que a «profissionalização do ofício, as bolsas e apoios financeiros» estão a destruir a literatura ocidental. «Antigamente, os escritores trabalhavam como taxistas, funcionários, secretários ou empregados de balcão»" (Expresso).
publicado por industrias-culturais às 21:25
link | comentar | favorito
Sábado, 27 de Setembro de 2014

Dona Alice Mexe o Tacho

Hoje à tarde, na Biblioteca de São Lázaro, em Lisboa, foi lançado o livro Dona Alice Mexe o Tacho, contos, lengas-lengas e poesias de Ana Ventura, Emílio Miranda, Fátima Vivas, Maria Apolinário e Rui Carvalho, vencedores de concurso promovido pela editora Alfarroba. Foram ainda publicados mais dois textos, de Cláudia Neto e Magda Massano e de Frederico Leite, como menções honrosas do referido concurso.

Foi uma sessão muito concorrida, até pelo número de autores. Literatura com histórias mais adequadas a públicos infantis, o objectivo do volume foi encontrar sabores e cheiros, doces e salgados, apetitosos e quentes ou frios, que se encontram a partir de uma receita culinária. Esta é o começo de cada história e, depois, existe um enredo, uma memória ou uma efabulação, como cada autor explicou durante a sessão. No vídeo, ouvem-se vozes, em especial de crianças, numa melhor contextualização da apresentação.


publicado por industrias-culturais às 20:59
link | comentar | favorito

Dona Alice Mexe o Tacho

Hoje à tarde, na Biblioteca de São Lázaro, em Lisboa, foi lançado o livro Dona Alice Mexe o Tacho, contos, lengas-lengas e poesias de Ana Ventura, Emílio Miranda, Fátima Vivas, Maria Apolinário e Rui Carvalho, vencedores de concurso promovido pela editora Alfarroba. Foram ainda publicados mais dois textos, de Cláudia Neto e Magda Massano e de Frederico Leite, como menções honrosas do referido concurso.

Foi uma sessão muito concorrida, até pelo número de autores. Literatura com histórias mais adequadas a públicos infantis, o objectivo do volume foi encontrar sabores e cheiros, doces e salgados, apetitosos e quentes ou frios, que se encontram a partir de uma receita culinária. Esta é o começo de cada história e, depois, existe um enredo, uma memória ou uma efabulação, como cada autor explicou durante a sessão. No vídeo, ouvem-se vozes, em especial de crianças, numa melhor contextualização da apresentação.


publicado por industrias-culturais às 20:59
link | comentar | favorito
Quinta-feira, 11 de Setembro de 2014

Viver (Com) a Escrita

A iniciativa pretende colocar três autores em diálogo com o seu público, adequando os temas e a forma como o seu trabalho é apresentado à audiência em questão. João Morales coordena e modera as conversas.

No dia 20 de Setembro, às 16:00, com Gonçalo Cadilhe, na Biblioteca Manuel José do Tojal, em Santo André, para nos falar sobre as suas viagens.No dia 17 de Novembro, à tarde, com Inês Botelho, novamente na Biblioteca Manuel José do Tojal, em Santo André. Na sua companhia, alunos do concelho, para troca de impressões sobre o trabalho que tem vindo a desenvolver. No dia 21 de Novembro, de manhã, com Sílvia Alves na Biblioteca Manuel da Fonseca, em Santiago do Cacém, e alunos do 1º Ciclo, mostrando os seus livros e aprendendo com as leituras que eles lhes encontrarem. Organização: Câmara Municipal de Santiago do Cacém. Parceiros: Livraria A das Artes e Antena Miróbriga.
publicado por industrias-culturais às 18:59
link | comentar | favorito

Viver (Com) a Escrita

A iniciativa pretende colocar três autores em diálogo com o seu público, adequando os temas e a forma como o seu trabalho é apresentado à audiência em questão. João Morales coordena e modera as conversas.

No dia 20 de Setembro, às 16:00, com Gonçalo Cadilhe, na Biblioteca Manuel José do Tojal, em Santo André, para nos falar sobre as suas viagens. No dia 17 de Novembro, à tarde, com Inês Botelho, novamente na Biblioteca Manuel José do Tojal, em Santo André. Na sua companhia, alunos do concelho, para troca de impressões sobre o trabalho que tem vindo a desenvolver. No dia 21 de Novembro, de manhã, com Sílvia Alves na Biblioteca Manuel da Fonseca, em Santiago do Cacém, e alunos do 1º Ciclo, mostrando os seus livros e aprendendo com as leituras que eles lhes encontrarem. Organização: Câmara Municipal de Santiago do Cacém. Parceiros: Livraria A das Artes e Antena Miróbriga.
publicado por industrias-culturais às 18:59
link | comentar | favorito
Quinta-feira, 17 de Abril de 2014

Cem Anos de Solidão

O livro narra a história da família Buendía a viver num sítio imaginário chamado Macondo. Cem Anos de Solidão foi um marco na literatura escrita por Gabriel García Márquez. Ele morreu hoje com 87 anos.
publicado por industrias-culturais às 21:50
link | comentar | favorito

Cem Anos de Solidão

O livro narra a história da família Buendía a viver num sítio imaginário chamado Macondo. Cem Anos de Solidão foi um marco na literatura escrita por Gabriel García Márquez. Ele morreu hoje com 87 anos.
publicado por industrias-culturais às 21:50
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

.Junho 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
27
28
29
30

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Recordar os esquecidos

. 3.ª edição do Fronteira —...

. A reflectir

. A reflectir

. Dona Alice Mexe o Tacho

. Dona Alice Mexe o Tacho

. Viver (Com) a Escrita

. Viver (Com) a Escrita

. Cem Anos de Solidão

. Cem Anos de Solidão

.arquivos

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

. Outubro 2003

. Agosto 2003

. Abril 2003

. Março 2003

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub